quarta-feira, outubro 19, 2016

Freixo está mais pra "Romero" ou pra "Fraga"?

A história que contam é que o personagem "Diogo Fraga", do filme Tropa de Elite, foi inspirado no deputado, hoje candidato a prefeito do Rio, Marcelo Freixo. O filme foi sucesso e teve desdobramentos, rendendo mais 2 filmes, e, é claro, ser comparado a um personagem político carismático, defensor dos fracos e oprimidos e bem intencionado, é tudo o que um parlamentar com intenções de fazer carreira políica deseja para o currículo.
Mas será que alguém já parou para comparar Freixo com um outro personagem, também de uma obra de grande sucesso, só que na TV, cuja história se assemelha, em muitos pontos, com a do candidato do PSOL? Falo de "Romero Rômulo", vivido pelo ator Alexandre Nero, na novela "A Regra do Jogo", de João Emanuel Carneiro. Alguém lembra? Imagino que se o autor fosse questionado sobre a inspiração, negaria. Também tenho plena certeza de que o próprio Freixo rechaçaria a comparação. Imagine ele, que é "vendido" por sua equipe de marketing como "homem altruísta", lembrar alguém tão mau caráterw Só para recordar, "Romero Rômulo" fez sua trajetória na trama com as seguintes características:

1) presidia uma ONG (de fachada) cujo objetivo era ressocializar bandidos;
2) se dizia socialista, mantinha uma aparência desapegada do luxo, mas amava usufruir das benesses do capitalismo;
3) era ferrenho "defensor" dos Direitos Humanos,
4) era de origem humilde e usava esta informação para ganhar a simpatia dos pobres e ter acesso às comunidade, com seu discurso de "justiça social";
5) Era carismático e muito midiático, amigo da imprensa, classe artística e simpatizantes de sua "causa";
5) Tudo o que fazia tinha uma única intenção: crescer dentro da facção e fazer carreira política,

Você viu alguma semelhança entre o candidato do PSOL e Romero Rômulo? Nem eu. Imagine!
E se alguém me perguntar, afirmo e bato pé que "a novela foi apenas uma obra de ficção e que comparar o chefe da fação, vivido por Zé de Abreu, à Lula, ou a "mãe" da facção (não lembro nome da atriz) à Dilma ou a figura metafórica do bandidão Zé Maria às milícias ou o defensor dos Direitos Humanos que queria fazer carreira política no Rio à Freixo; seria como crer que a novela foi inspirada na trajetória do PT, que nem organização criminosa é".

Concorda? kkkkkkkkkkkk







2 comentários:

Gisa Estetica e Micropigmentação disse...

Realmente! Depende do ponto de vista! Acho que ele é mais pra Romero mesmo! rs

Monica Marinho disse...

kkkkkkkkk Bom vê-la por aqui sogrinha!